quinta-feira, 2 de junho de 2011

Em Guardanapos

Nunca escrevi nada endereçado ao nome teu.
Mas se agora escrevo é para dizer
que sempre procuro nos seus versos o nome meu.

3 comentários:

  1. muito, muito bom!


    gostei demais. me ideintifiquei muito.

    beijos!

    ResponderExcluir
  2. Nas entrelinhas, quem sabe...
    Obrigada pela visita!

    http://poiseah.blogspot.com

    ResponderExcluir